Sites Grátis no Comunidades.net Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese




ONLINE
1


Partilhe este Site...


luna

Muitos me perguntam sobre nossos caminhos... 

Muitos tem as sensações de ter andado por entre eles, mas ainda trazem dentro de si o medo da programação que nos impuseram sobre a bruxaria.... 

Porgramações de horror, de medo, de tortura, de rituais macabros onde sacrificios de sangue são feitos a todo o tempo... 
Não, a bruxaria nada tem a ver com essa programação, somos seres do Universo plenos em nossos caminhos de amor, de paixão e dedicação a Natureza, preservamos e amamos o que é mais lindo em nós... "A VIDA" em sua totalidade... 
A vida nos trás a liberdade de escolhas, de sentimentos e ações... e isso é ser bruxa... 
Ser livre, ter asas para redescobrir cada mistério oculto dentro de nós mesmas... quem somos na verdadeira essência... 
Relembrar, Reviver, Reafirmar, a vontade de ser Livre, correr, cantar, sonhar, se deitar sobre a relva em uma noite de luar e reverênciar com toda a emoção a Grande Criadora de tudo o que temos.... Nossa Grande Mãe... 
Carinhos... Luna de Haya... 

Nova camada...

FILTRO DOS SONHOS...
FILTRO DOS SONHOS...

 

FILTRO DOS SONHOS - GREAM CATCHER

Dream Catcher

Dream Catcher, mas conhecido como Filtro dos sonhos ou Teia dos Sonhos, são mandalas nativa de cura norte-americana. O mundo dos Sonhos onde entramos é totalmente influenciado por energias tanto positivas quanto negativas, e sua função neste momento é exatamente filtrar as energias, prendendo as energias intrusas e negativas em suas teias, sendo totalmente dissipadas aos primeiros raios do sol.

O aro do filtro é o ciclo da vida, ou nosso próprio corpo, a teia que tecemos são nossos sonhos e desejos, a necessidade de cura para alcançarmos nossa meta, são os desejos de nossa alma, são as energias que lidamos com o nosso dia-a-dia, colocadas ali, onde nosso inconsciente irá trabalhar.

O centro da teia, é o vazio, o Espírito Criador, o Grande Mistério. Enfim, explicações têm muitas, mas devemos sempre lembrar que estes "objetos" não são simples objetos decorativos, eles são instrumentos de poder, são “medicinas”. Existem inclusive, vários tipos de teia. Os Chippewa utilizam uma teia muito similar à da aranha, em espiral, sendo que a sustentação desta teia em espiral está em 8 fios que correspondem às oito direções sagradas. Já os cherokees, trabalham com um filtro mais simples, onde há apenas uma pedra, geralmente no centro da teia, e uma única pena pendendo sob ele, pois acreditam que o filtro não pode ser muito "carregado" de objetos e penduricalhos para não desvirtuar sua função. Há ainda tradições que trabalham com o filtro na posição horizontal. Mas, enfim, cada tradição tem seu modo de confeccionar esta “medicina”. O interessante é que esta forma de “medicina” surgiu em várias tribos que não mantinham contato direto umas com as outras, e vamos encontrar uma série de lendas a respeito disto.

Este Filtro poderá ser carregado com um propósito, que ativamos ao traçar a teia, que é quando colocamos nosso espírito e nossa energia fundindo e transformando e gerando ali um grande instrumento de poder.

Além de todo o aspecto de instrumento de poder, o filtro é uma terapia incrível, pois ao fixarmos nossa atenção na medicina que estamos construindo, ela mexe com nossa energia, altera nossa consciência e também nos limpa, equilibra e nos faz recordar de Sonhos e propósitos esquecidos. Enfim, instrumentos de poder mexem com nosso interior, com nossa energia, com nossa magia interior e são canalizadores.

 

 

Porém devemos sempre estar consciente que nunca devemos ser escravos de nossos instrumentos, afinal não é o objeto que vai resolver uma série de problemas, ele apenas será um veiculo para nos orientar em qual caminho deveremos seguir, “se assim desejarmos” , ele nos ajudará a encontrar a energia ancestral e nosso interior. Também não nos livrará de todos os pesadelos, já que alguns deles são momentos de aprendizado e viagens que acontecem quando estamos dormindo. Sonhar é viajar pelo Templo dos Sonhos, ali nosso processo de crescimento natural e pessoal ganha grande parte de conhecimento.

 

Os videntes nativo–americanos ensinam que a Grande Aranha, teceu a Teia do Universo para relacionar todas as coisas. Para eles, a Aranha ao mesmo tempo é Avó e Criadora que cria novas energias dentro da existência. Ela tem a "Medicina da Criação". Num dos mitos da Criação, conta-se que no inicio do mundo só havia escuridão, os povos andavam às cegas, e viviam se colidindo, uns com os outros. A vovó aranha que  trouxe o sol e o fogo aos índios  e ensinou-lhes também a arte de fazer a cerâmica.

Conta uma velha lenda dos nativos norte-americanos, que um velho índio ao fazer uma Busca da Visão no topo de uma  montanha, lhe apareceu IKTOMI, a aranha, e comunicou-se em linguagem sagrada. A Aranha  pegou um  aro de cipó e começou a tecer uma teia com cabelo de cavalo e as oferendas recebidas

Enquanto tecia, o espírito da Aranha falou sobre os ciclos da vida, do nascimento á morte e das boas e más forças que atuam sobre nós em cada uma dessas fases. Ela dizia :

 "Se você trabalhar com forças boas,  será guiado na direção certa e entrará em harmonia com a natureza. Do contrário, irá para direção que causará dor e infortúnios".

No final  a Aranha devolveu ao velho índio o aro de cipó com uma teia no centro dizendo-lhe:

 

"No centro está a  teia que representa o ciclo da vida. Use-a para ajudar seu povo a alcançar seus objetivos, fazendo bom uso de suas idéias, sonhos e visões. Eles vêm de um lugar chamado Espírito do Mundo que se ocupa do ar da noite com sonhos bons e ruins. A teia quando pendurada se move livremente e consegue pegar sonhos,  quando eles ainda estão no ar. Os bons sonhos sabem o caminho e deslizam suavemente pelas penas até alcançar quem está dormindo. Já os ruins ficam presos no círculo até o nascer do sol, e desaparecem com a primeira luz do novo dia ”Esse círculo é conhecido como "dream catcher" (apanhador de sonhos )

No xamanismo evoca-se a essência espiritual da aranha para compreender melhor a "teia da vida", para evocar a criatividade e a imaginação. Inspira a visão e o poder para trazer nossos sonhos até a realidade. Para se obter independência e coragem, para rompermos com armadilhas que criamos, sejam emocionais ou espirituais. Para rompermos a teia da ilusão, construirmos novos sonhos, para sonharmos mais, para tecermos nossa própria vida.

Bons Sonhos !                         

 

O Filtro dos Sonhos é composto de um aro de madeira ou natural, onde serão gravados os nomes dos deuses das direções sagradas e dos elementos sagrados, ali também gravamos o nome da pessoa para quem o filtro será destinado.

Este aro poderá ser revestido de linhas de seda, fios naturais, lã, etc...

Dentro dele será tecida a teia com linhas finas de preferência e colocadas ali, pedras, sementes, conchas, penas, metais, energias que possam atrair boas energias ao ambiente e a pessoa que o usará.

 

Nele trabalharemos os corpos físicos, mentais, emocionais, espirituais e a relação com as energias tanto da Terra quanto do Universo.

 

O Filtro depois de tecido representará a teia, o ciclo da vida de cada pessoa, trabalhará em suas teias e mais o que for usado em sua confecção unificando as energias para que possam transformar e harmonizar trazendo equilíbrio, alegria e felicidade, tanto  a pessoa quanto ao ambiente em que se encontra. 


fs